quarta-feira, 10 de abril de 2013

sonhos...



lembro o que me falavas
com teu eterno desdém...
levando sonhos abalavas,
e os meus partiam também.

vim de longe e encontrei-te
no meu coração de Outono

pra que me visses...gritei-te!
não me deixes ao abandono.

natalia nuno
rosafogo

2 comentários:

manuel marques Arroz disse...

"Nós somos do tecido de que são feitos os sonhos."

Beijo.

Natalia Nuno disse...

sem sonho a vida é enfadonha, continuemos por isso a sonhar.

Grata Manuel
bjinho.